A literatura como direito

Segundo o Professor Antonio Candido, a literatura é um direito humano inalienável. Com base nessa ideia, a educadora Sandra Medrano abordou, em palestra realizada no dia 29 de agosto, questões sobre o papel da escola no ensino da literatura. Foram apresentados aspectos relevantes que devem ser considerados na formação de leitores literários.

A palestrante é formada em Pedagogia, mestre pela Faculdade de Educação da USP e especialista em livros e literatura para crianças e jovens pela Universidade Autônoma de Barcelona

A palestra “Literatura – uma arte como objeto de conhecimento” faz parte das ações de formação que vêm sendo oferecidas pelo Colégio e contou com a presença de educadores de várias instituições.

 

arrow_back Voltar para Notícias